Pular para conteúdo

O Tarot

O Tarot

O Tarot, no aspecto exotérico, é basicamente um jogo de 78 cartas que se difundiu a partir da segunda metade do século 14, na Europa, com iconografia cristã. Tudo indica que ganhou a forma que hoje conhecemos pelas mãos de artistas e artesões que tinham conhecimentos e habilidades adquiridas entre os edificadores dos palácios e igrejas no período pré-renascentista, bem como suas pinturas, imagens e vitrais.

No aspecto esotérico, ele pode ser entendido como uma linguagem simbólica que traduz o Cosmos em sua constituição e eterna mudança, em sua estrutura e dinâmica. Ele aparece na Europa num momento em que várias escolas de ocultismo e corporações de artistas buscavam transmitir conhecimentos, não por palavras, mas por imagens que convidavam à reflexão, à investigação, para serem corretamente assimiladas. Os 22 Arcanos Maiores, entre outros significados possíveis, descreveriam as 21 etapas evolutivas que o homem – representado pelo Louco – pode percorrer em sua vida.

O seu uso como auxílio ao autoconhecimento se vale de símbolos que são derivados principalmente da Cabala – vertente mística do judaísmo – e da Alquimia medieval.
(fonte: Constantino K. Riemma)

***

Bem, esta foi tão somente uma brevíssima introdução ao Tarot. O objetivo deste site não é servir de enciclopédia ou referência de estudos, mas sim como ferramenta. No fim das contas, não há "respostas prontas" para nenhuma espécie de Oráculo, e assim sendo, quem deve aprender a interpretar os resultados das consultas neste site é você mesmo...

No entanto, se ainda se sente confuso sobre qual rumo tomar, nós lhe indicamos algumas possibilidades abaixo: